Notícias

26 Outubro de 2017

Seminário discute a emissão de carbono na agricultura

Seminário discute a emissão de carbono na agricultura

Postado as 2017-10-26 13:24:43

Por Artur Dullius

Artur Dullius

Durante a manhã desta quinta-feira, dia 26, o Parque Científico e Tecnológico do Vale do Taquari (Tecnovates) foi palco das primeiras atividades do “Seminário Estadual do Plano de Agricultura de Baixa Emissão de Carbono - Tratamento de dejetos e produção de energia”. O evento é destinado à troca de informações entre público-alvo e instituições promotoras ou desenvolvedoras de projetos e políticas públicas voltados aos temas da agricultura de baixa emissão de carbono, tratamento de dejetos animais e produção de energia.

A primeira palestra contou com a participação do professor e organizador do evento, Odorico Konrad, que falou sobre o tratamento de biomassas com foco na geração de energia renovável. Segundo Konrad, aproximadamente 95% da energia consumida no Vale do Taquari é gerada externamente, sendo esta fornecida por meio de uma única linha.

É de extrema importância viabilizarmos novas forma de energia aqui na região. Se ocorre o acaso de um temporal, por exemplo, derrubar essa rede, o Vale pode sofrer um apagão de cinco a seis dias. Para quem trabalha na agricultura, isso se transforma em um prejuízo gigantesco
Odorico Konrad, organizador do evento

Artur Dullius

Na sequência Jackson Brilhante apresentou as propostas do “Plano ABC - Agricultura de baixa emissão de carbono”, que busca minimizar os impactos do aquecimento global. “A agricultura contribui diretamente com esse processo pois é responsável pela emissão de três tipos de gases: o carbônico, o metano e o óxido nitroso. O plano surgiu com o objetivo de diminuir em até 37% a emissão desses gases, entre os anos de 2010 e 2020”, relata.

A programação de palestras segue durante a tarde desta quinta-feira. Na sexta, dia 27, acontece a visita técnica às dependências da empresa Ecocitrus, em Montenegro. O evento é promovido pelo Laboratório de Biorreatores do Tecnovates (Univates), em parceria com o Comitê Gestor do Plano ABC, a Secretaria Estadual de Agricultura, Pecuária e Irrigação (Seapi) e o Ministério da Agricultura.

Clique para ampliar