DIAGNÓSTICO DO DESCARTE DE CAROÇOS DE AÇAÍ EM MACAPÁ/AP E SUA UTILIZAÇÃO COMO INCREMENTO DE RENDA DOS BENEFICIADORES

Marco Johnny de Oliveira do Nascimento, Claudete Rempel

Resumo


O processamento do fruto do açaí é uma realidade cultural importante para o desenvolvimento econômico e social da população da região Norte do país, pois é uma fonte de renda e de sustento de milhares de famílias que empreendem no ramo. O Brasil é o país que mais produz, consome e exporta açaí, que é um alimento muito procurado pelos consumidores no Estado do Amapá. A produção do vinho do açaí (líquido pastoso extraído após processamento), contudo, gera uma considerável quantidade de resíduos sólidos. O objetivo desta pesquisa é verificar como é o descarte de caroços de açaí no município de Macapá-AP e identificar formas de utilizá-lo como incremento de renda para os batedores. A pesquisa foi desenvolvida no Bairro Perpétuo Socorro - em Macapá. Para tanto, foi realizada uma pesquisa de campo em que foram entrevistados três grupos específicos que estão envolvidos na produção, fiscalização e descarte dos caroços de açaí. Os resultados demonstram que a produção dos resíduos dos caroços de açaí é maior que a demanda por estes em outras atividades econômicas existentes em Macapá, sendo grande parte dos caroços despejados em locais impróprios. É possível inferir, que o caroço de açaí tem potencial para ser reutilizado e gerar renda para os batedores, contudo, depende ainda do desenvolvimento de outras cadeias produtivas no Amapá e também de se viabilizar a comercialização destes para outros Estados e Países.

Palavras-chave


Extrativismo Vegetal; Batedores de Açaí; Reciclagem; Macapá

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22410/issn.1983-036X.v29i1a2022.2915

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Marco Johnny de Oliveira do Nascimento, Claudete Rempel

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

Tradução automática: