Notícias

23 de agosto de 2016 | imprensa@univates.br

Atendimento a imigrantes é oferecido gratuitamente pela Univates

A Univates inaugura nesta quinta-feira (25), às 10h, um novo atendimento no Serviço de Assistência Jurídica – Sajur Univates. O grupo de “Atenção aos direitos dos imigrantes no Vale do Taquari” é voltado a imigrantes e terá encontros todas as quintas-feiras, das 10h às 12h, no Sajur (Avenida Benjamin Constant, 2718, bairro Florestal/Lajeado). “Prestaremos auxílio aos imigrantes na busca de seus direitos, seja na esfera administrativa e/ou na judicial com o intuito de esclarecer e auxiliar em relação aos direitos e deveres no que diz respeito à vida cotidiana dos imigrantes”, comenta a coordenadora do Sajur, Marta Luisa Piccinini. 
 
A ideia é garantir os direitos sociais e dar suporte aos imigrantes, que atualmente são em sua maioria haitianos. O projeto tem por objetivo a criação de um mecanismo de acolhimento e orientação de imigrantes com relação aos direitos. Além disso, será elaborado um questionário sobre as condições sociais e econômicas dos imigrantes, para que esses dados sirvam para a pesquisa e contribuam com uma visão mais clara sobre as necessidades desse segmento da população.
 
A iniciativa é do projeto Interfaces, que reúne diferentes projetos de extensão do Centro de Ciências Humanas e Sociais em ações articuladas, entre eles o projeto “Migrações Contemporâneas”, que integra o Observatório de Direitos Humanos. A parceria com o curso de Direito por meio do Sajur permite realizar uma permanência para tratar especificamente da atenção aos direitos dos imigrantes. “A ideia é unir ensino, pesquisa e extensão e também utilizar as problemáticas para refletir sobre a situação das pessoas imigrantes, que são uma população mais vulnerável. Apesar de já termos um mapeamento de possíveis ações de suporte, não sabemos todas as demandas que essa população trará, mas com certeza esse é um serviço social importante para essa comunidade”, comenta Daniel Granada da Silva Ferreira, coordenador do projeto, mediador dos atendimentos e professor da Univates.
 
No Rio Grande do Sul, apenas duas universidades federais oferecem serviço semelhante. Além do Sajur, a Univates oferece à população haitiana aulas e oficinas gratuitas de Língua Portuguesa, encontros multiculturais que valorizam diferentes culturas e um núcleo de pesquisa sobre migrações, que integra pesquisadores e proporciona troca de experiências acerca dos processos migratórios.
 
Texto: Elise Bozzetto
 
Clique para ampliar

Notícias Relacionadas