Estádio Olímpico Univates está entre os destaques do Prêmio Obra do Ano

Postado as 2017-03-17 08:25:53

Por Ana Amélia Ritt

Mais uma vez a estrutura da Univates está em destaque nacional. O Estádio Olímpico da Instituição, projetado pela Tartan Arquitetura e Urbanismo, está entre as opções de Arquitetura Esportiva do Prêmio Obra do Ano 2017, promovido pela revista eletrônica ArchDaily. O concurso conta com votação popular e engloba obras feitas em países de língua portuguesa. As 15 obras mais votadas serão divulgadas no dia 21 de março e passarão para a segunda fase do Prêmio. 
 
O projeto utilizou sistema construtivo misto, que engloba elementos como concreto pré-moldado e estrutura metálica. “Quem já se aventurou em algum esporte sabe o prazer de ganhar ou a dor de perder uma partida. Todas as formas de movimentar o corpo provocam nos seus praticantes sensações e sentimentos. É possível também esboçar essas sensações na arquitetura: na forma, nas cores e no jogo de luz e sombra. Mais que um simples projeto, a arquitetura esportiva deve propor formas simples, mas que se destaquem, integrem espaços naturais e urbanos, e ainda ser executada em tempo recorde”, afirma Camila Mirapalhete, arquiteta e urbanista da Tartan.
 
Para o pró-reitor Administrativo da Univates, professor Oto Moerschbaecher, a participação da estrutura no concurso, além de dar destaque nacional e possivelmente internacional, mostra o acerto no compromisso que a Instituição tem de oferecer o melhor à comunidade acadêmica. “A grande recompensa é que a gente consegue atender a um princípio nosso de disponibilizar para a comunidade acadêmica da Univates os melhores recursos possíveis para atender aos cursos e às necessidades das disciplinas que utilizam o espaço”, afirma.
 
Entre as obras que concorrem na mesma categoria que o Estádio Olímpico estão obras das Olimpíadas Rio 2016. “É um orgulho, uma realização. Nós como escritório e a Univates como cliente nunca consideramos nossos projetos como de abrangência apenas local. Sempre buscamos inspiração no que há de mais moderno no mundo, em termos de tecnologia e arquitetura e, sendo assim, estar entre esses projetos é o reconhecimento dessa busca, dessa responsabilidade assumida”, conta Camila.
 
Como votar?
 
Cada usuário poderá votar em sua obra favorita até o dia 20 de março, às 23h59min (horário de Brasília), no site http://oda.archdaily.com.br/br/2017. O Estádio Olímpico da Univates está na categoria Arquitetura Esportiva.
 
No dia 21, os 15 finalistas serão divulgados e novamente será possível escolher seu favorito. É possível votar na mesma obra mais de uma vez, porém, é permitido apenas um voto por dia. A divulgação das obras vencedoras será no dia 29 de março no site da ArchDaily Brasil.
 
Saiba mais sobre o Estádio Olímpico
 
O Estádio conta com campo de futebol, com medidas oficiais e gramado certificado pela Fédération Internationale de Football Association (Fifa). A pista sintética de atletismo é certificada pela Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAAF) e apta a sediar competições de nível internacional. Nela podem ser realizadas competições em diversas modalidades de atletismo, como salto em distância, salto em altura, arremesso de disco, de dardo e martelo.
 
 O ensino também tem espaço nas 25 salas de aula disponíveis no espaço. As salas ficam localizadas na parte inferior das arquibancadas, com capacidade para receber 1.920 pessoas, incluindo espaço para pessoas com deficiência.
 
A água que irriga o campo é proveniente de duas fontes: da chuva, por meio dos telhados do Complexo Esportivo e do reaproveitamento da água do próprio campo, e de um poço artesiano. A cisterna tem capacidade para armazenar 80 mil litros de água da chuva.
 
Texto: Ana Amélia Ritt
 
 
Estádio Olímpico da Univates, que sedia diversas competições da região, concorre por voto popular ao Prêmio Obra do Ano 2017

Artur Dullius

Estádio Olímpico da Univates, que sedia diversas competições da região, concorre por voto popular ao Prêmio Obra do Ano 2017

Tuane Eggers

Notícias Relacionadas